Para quem gosta de Arte e Lego

Padrão

A série “The Art of the Brick” de Nathan Sawaya está exposta no Discovery Times Square do Museu de Nova York. Como pode notar, Sawaya reproduz obras de grandes artista de uma maneira, no mínimo, curiosa e divertida: usando peças de Lego. Milhares de peças, diga-se de passagem.

A exposição reproduz obras icônicas como a “Mona Lisa” de Leonardo da Vinci, “O Pensador” de Auguste Rodin, “O Grito” de Edvard Munch e a “Moça do Brinco de Pérola” de Johannes Vermeer, entre tantos outros. Cada composição conta com detalhes minuciosos. A “Mona Lisa” foi construída com, nada mais nada menos que, 4.573 peças. Já o “Pensador” conta com 4.332 peças. Achou pouco? Então olha isso: a mais grandiosa obra da série é um dinossauro que reúne 80.020 pecinhas.

Confira tudo, agora:

Potholes – Buracos

Padrão

A dupla de canadenses Claudia Ficca e Davide Luciano, aborrecida por encontrar buracos nas ruas, resolveu fazer um protesto-criativo, criando cenas surreais. A série Potholes tem como cenário as cidades de Montreal e Toronto no Canadá; e Nova Iorque e Los Angeles nos EUA. Os temas vão desde SOS Malibu até Alice no País das Maravilhas, entre outras inspirações cotidianas.

Cada imagem foi capturada sem a interrupção do trânsito. Tudo foi feito em questão de 10 minutinhos, após a seleção das “crateras perfeitas”. Clique nas imagens para ampliá-las e Confira!

Outro ângulo

Padrão
Hoje, o Sensacionalista, site de humor (de notícias fictícias) criado pelo roteirista e jornalista Nelito Fernandes, publicou algumas imagens famosas vistas de outro ângulo.
.
Confira as originais e “as vistas de outro ângulo”, agora:
.
1 – Referente à famosa foto de uma linda menina afegã de olhos verdes, publicada na capa da edição de junho de 1985 da Revista americana National Geographic. A imagem se tornou uma das capas mais famosas do mundo.
.
.
2 – Sobre o conhecido “We Can Do It!” (Nós podemos fazer isso!) que tratava-se de uma propaganda americana de guerra criada por J. Howard Miller em 1943 para uma fábrica com a intenção de levantar a moral dos trabalhadores. O cartaz tem base numa fotografia de uma operária. A imagem foi pouco vista durante a Segunda Guerra Mundial, mas em compensação foi redescoberta na década de 1980 e amplamente reproduzida para promover o feminismo.
.
.
3 – A imagem trata-se da famosa pintura “A Última Ceia” do ano de 1495 de Leonardo Da Vinci referente à última refeição de Jesus e seus apóstolos.  A obra pode ser vista no Convento Santa Maria Delle Grazie em Milão.
.
.
4 – Sobre O Grito, do artista norueguês Edvard Munch. A obra expressionista é o pilar da série The Frieze of Life que expressa o estado ansioso e angustiado do artista.
.
.
5 – A  imagem é referente à pintura American Gothic de Grant Wood da coleção do Art Institute of Chicago. O quadro mostra uma casa de campo desenhada no estilo gótico rural com um fazendeiro ao lado de sua filha.
.
.
6 – A última imagem é uma das mais famosas fotos do mundo, que ilustra a capa do álbum “Abbey Road” dos Beatles. Numa manhã de 8 de agosto de 1969, o fotógrafo Iain Macmillan clicou seis vezes, enquanto os músicos atravessavam a rua do tranquilo bairro londrino de St. John Woods, com a ajuda de um guarda que impediu o trânsito local.
.
 

The Dark Side of the Moon – Um clássico nunca morre

Padrão

Alguém já viu as imagens superinteressantes que a página oficial do facebook do Pink Floyd vem postando, referente aos 40 anos do álbum The Dark Side of the Moon? Se ainda não viu, confira aqui 12 delas e acesse o site oficial dos caras pra acompanhar todas.

Só pra lembrar, The Dark Side of the Moon é o oitavo disco de estúdio da banda britânica de rock progressivo, que foi lançado no dia 1 de março de 1973.

“Ele era uma contradição”

Padrão

kur

O diretor Brett Morgen, que está montando um documentário sobre Kurt Cobain comentou sobre a personalidade do ex-líder do Nirvana em entrevista, dizendo que o ícone grunge era uma “contradição”. O ponto de vista do diretor não foge ao de Charles R. Cross, autor da biografia “Mais Pesado que o Céu”, sobre o cantor.

Sim, Kurt era sentimental e sarcástico. Doce e amargo, segundo Morgen, que ainda afirma que o ex-vocalista do Nirvana era superengraçado. O filme pretende refletir todas estas nuances da personalidade de Cobain.

Os planos de Morgen é que o filme seja um ícone, um modelo, um exemplar da categoria, uma referência tão aclamada quanto o clássico “The Wall” do Pink Floyd. Para a animação, serão usadas HQs, pinturas e filmes feitos pelo próprio Kurt (que era um artista visual incrível, afirma o diretor).

Vamos aguardar!

Novidade da ui2h para as Meninas:

Padrão

Lançamento para as meninas de plantão…

Bolsa Indie/Hippie (dupla face)

Como o próprio nome já diz, a peça foi criada a partir destas duas tendências. Inspirada na mistura de estilos com referência em personalidades como Florence (and The Machine) e Janis Joplin. 

Feita artesanalmente com material de qualidade, ela esbanja estilo e conta com acabamento impecável para ser usada dos dois lados: são duas bolsas na mesma peça com preço especial de lançamento!

Confira as características:

– Bolsa em tecido dupla face (duas em uma).
– Trabalho artesanal.
– Cores/Estampa: lado A, nas cores café e branco (estampado)/ lado B, nas cores chocolate e ocre (estampado).
– Tamanho: 38,5 cm de altura x 35,5 cm de largura.
– Detalhes: alças com costura diferenciada de acabamento e argolas (cor prata).

Aproveitem! 😉

Underwater Dogs

Padrão

O fotógrafo Seth Cassel inovou com fotos de cachorros brincando embaixo d’água. Pela iniciativa simples, porém inusitada, Cassel virou tema de exposição. Agora, depois de toda a repercussão mais que positiva, o fotógrafo está lançando o livro “Underwater Dogs”, reunindo as fotos mais tops da série, além de algumas surpresas: muitas são inéditas!

Confira: